Skip to main content

Quer saber mais sobre implante de silicone nos seios, também conhecido como mamoplastia de aumento? Assista esse vídeo onde falo detalhadamente sobre o procedimento, qual sua indicação e como é realizada a cirurgia de implante de prótese nos seios.

Mais ainda, demonstro a segurança das próteses e falo sobre o pós-operatório, o tempo de recuperação e os cuidados fundamentais para manutenção dos resultados da cirurgia.

Transcrição do Vídeo:

Neste vídeo você vai saber um pouco mais sobre a mamoplastia de aumento, ou seja, o aumento das mamas com o uso de próteses de silicone.

Geralmente as pacientes que se apresentam no consultório para a realização desta cirurgia apresentam queixas de mamas de pouco volume, ou então queixas de mamas um pouco caídas. Estas duas alterações são totalmente passíveis de correção com o uso de próteses de silicone.

As pacientes ideais para a realização desta cirurgia são as pacientes que já apresentam o seu desenvolvimento (?) completo, ou seja, são pacientes que já menstruaram, que já cresceram e que já tiveram o desenvolvimento mamário completo. Isso gira em torno de 17, 18 anos de idade.

Em termos de segurança, os implantes mamários hoje são extremamente seguros. Os implantes apresentam uma cápsula protetora muito resistente a trauma, e mesma na eventualidade de uma ruptura o seu gel é de alta coesividade, ou seja, ele não se espalha, ele não é líquido, ele mantem o formato do implante, então não vai para outras regiões do corpo, como axilas ou abdomen, ele fica restrito na mama.

Além da sua qualidade em termos de força, de resistência, os implantes não alteram o aleitamento materno, pois a gente não mexe na glândula, o implante fica atrás da glândula, então as pacientes certamente vão poder amamentar os seus bebês no futuro normalmente. Também não existe nenhuma chance de contaminação do leite materno pelo silicone.

Além disso, ele não prejudica na hora do diagnóstico de eventuais nódulos mamários. Ele não prejudica o auto-exame, e nem os exames de rotina, como a mamografia e também a ecografia mamária.

A cirurgia geralmente é realizada de maneira ambulatorial, ou seja, a paciente realiza o seu procedimento e vai embora no mesmo dia, não necessitando internação hospitalar.

A anestesia pode ser realizada de duas maneiras: ou com a anestesia geral, ou então com uma sedação mais a anestesia local. Isso é decidido em conjunto com o anestesista e com a paciente.

Durante a recuperação, é necessário o uso de um sutiã modelador, que vai manter a mama na posição, e vai dar segurança para a paciente durante esse período.

Para a técnica que coloca o implante na frente do músculo, geralmente as pacientes tem uma evolução um pouco mais rápida; com 15 dias já estão recuperando suas rotinas de atividades físicas e academias.

Para pacientes que colocam o implante atrás do músculo, eu costumo liberar a atividade física por volta dos 30 dias para evitar qualquer possibilidade de deslocamento do implante.”

Saiba mais sobre a Mamoplastia de Aumento:

 

Quer agendar sua consulta com o Dr. André Valiati?

Em Porto Alegre ligue para (51)3517.5480 ou (51)99633.8816. Para agendar via whatsapp, clique nesse link ou faça seu agendamento online.

Em Sapiranga ligue para (51)3134.2020. Para agendamento via whatsapp, clique nesse link ou faça seu agendamento online.

Leave a Reply